Barra

13/03/2015

Professora arremessa tamanco em vereador de Brumado.

A professora Márcia Coqueiro Gama e o marido dela, Nélio Pereira poderão ser intimados a comparecer à delegacia de Brumado, distante 120 km de Vitória da Conquista, para prestarem depoimentos por causa do tumulto que causaram durante a sessão legislativa da última segunda-feira (9). A professora brigou com o vereador e sindicalista Édio Pereira (PCdoB), vice-presidente do legislativo, acusando o mesmo de ser o responsável pela demissão do marido, que é irmão do parlamentar. Nélio trabalhava na Ibar Nordeste e teria sido demitido em represália por ações promovidas pelo Sindicato dos Mineradores, do qual Édio é membro-diretor. Bastante alterada, a professora chegou a arremessar o tamanco contra o cunhado e quase acertou o vereador Weliton Lopes (SDD). O Sindicato dos Mineradores manifestou apoio ao vereador e reprovou a atitude da professora. O delegado Cláudio Marques, lotado na 20ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), explicou que poderá indiciar o casal e o vereador a prestarem esclarecimentos quantos aos fatos. “Se ficar constatado algum crime contra a administração pública e contra o poder legislativo, a polícia terá que apurar a conduta criminosa de quem deu causa. É cedo para ter um juízo de valor, mas algumas pessoas serão chamadas para se explicarem, uma vez que o eleitor e contribuinte não merecem esses fatos lamentáveis”, disse o delegado. (Brumado Notícias)
  • Comente aqui
  • Comente com Facebook
Item Avaliado: Professora arremessa tamanco em vereador de Brumado. Classificação: 5 Revisados por: Locutor Rodrigo