Barra

23/03/2016

O Rio Aliança está morto!

 O Rio Aliança está Morto!! 
TODOS PELO RIO ALIANÇA
 Movimento Consciência Jovem 

 Fomos fazer uma visita ao leito do Rio Aliança próximo a ponte da cidade no último dia 10 de Março (quinta-feira), e o que foi visto é impressionante, triste e certamente desesperador, pois, o Manancial responsável pelo abastecimento de água do município de Arataca está morto!

A água é certamente um dos bens mais preciosos da humanidade, tendo em vista o seu diverso uso, utilização para abastecimento, atividades de lazer, como também para navegação e geração de energia. É de fato um recurso natural. O Rio Aliança possui uma importância muito grande para o Município de Arataca, pois é o único manancial disponível para captação da água para abastecimento, irrigação e outros usos.

"Sinceramente o que vimos naquele dia fatídico foi muito triste, pois colocou em xeque a esperança do povo Arataquense de um dia poder ver novamente o Rio Aliança como era antes, onde os meninos tomavam banho em locais como o 'Rio da Cajá', “Germano”, '50' ."
A Bacia Hidrográfica do Rio Aliança tem sofrido a mais severa seca de toda história. Um fato verídico que pode ser atribuído ao fenômeno natural El Niño, que tem afetado o clima de várias regiões do Brasil, em especial a região Sul da Bahia, acometendo uma rigorosa seca que perdura mais de 06 (seis) meses, afetando diretamente o fluxo das chuvas e consequentemente diminuindo a vazão dos rios, inclusive o Rio Aliança em questão. Contudo, nem todos os problemas relacionados a qualidade e volume das águas do manancial não podem e não devem responsabilizar o fenômeno natural, pois as atividades humanas ao longo de toda a bacia têm comprometido bastante a saúde do rio.

Vista da Ponte do rio Aliança fotografada o meio rio, onde antes seria local de uma correnteza.
Foto tirada da parte superior da ponte.
Despejos de esgotos domésticos, lançamento de efluentes oriundos de resíduos de agrotóxicos, contaminam a água e consequentemente destroem a ictiofauna e ictioflora, ou sejam destroem as espécies microrgânicas do rio e comprometem a qualidade das águas, levando a mortandade dos peixes e consequente extinção desses. O desmatamento e queimadas em Área de Preservação Permanente, desprotege o solo e impossibilita a infiltração da água que abastece o lençol freático e consequentemente mantém o nível dos mananciais. É questionável as ações humanas, quando se trata de poluir e degradar um Bem Ambiental em detrimento do desenvolvimento urbano.
Esgoto doméstico sendo lançado sem nenhum tratamento diretamente no rio.
O que vemos em Arataca hoje é um Rio com sérios problemas relacionados ao mal uso de suas águas e não podemos atribuir a maior seca de todos os tempos apenas com a falta de chuvas na região, pois isso vai muito além dessa interpretação. Todas as residências, com pouquíssimas exceções, próximas do rio lançam seu esgoto doméstico no manancial, sem preocupar-se com os efeitos negativos que isso pode trazer para o meio ambiente. Esgotos a céu aberto e sem nenhum tratamento de saneamento básico. Outro problema que compromete a saúde de rio, é o lançamento de materiais provenientes de restos animais oriundos dos açougues próximos do rio que por não ter um local específico para tratamento e limpeza da carne que é vendida, joga todos os dejetos dentro do corpo d’água, contribuindo ainda mais para a contaminação do mesmo.


 
peixes mortos por falta de oxigênio e excesso de poluentes no rio.

Pessoas tratam vísceras de suínos a céu aberto debaixo da ponte e outros empregam várias atividades poluidoras desde lançamento de óleos e lubrificantes, ao uso indiscriminado de agrotóxicos nas proximidades do rio para manter as culturas agrícolas. Sinceramente o que vimos naquele dia fatídico foi muito triste, pois colocou em xeque a esperança do povo Arataquense de um dia poder ver novamente o Rio Aliança como era antes, onde os meninos tomavam banho em locais como o “Rio da Cajá”, “Germano”, “50” e outros pontos principais e disponíveis para as famílias saírem em programas de tardes ensolaradas de Domingo, eu que eu mesmo fiz várias vezes na minha infância. Pessoas ganhavam dinheiro pescando nesse rio, ou lavando roupas para sustentar a casa, infelizmente cenas como essas não são mais frequentes, ou melhor não acontecem de jeito algum, pois a qualidade do rio não é mais apreciável para a comunidade. Diante de tudo exposto, a ideia é que haja uma sensibilização da comunidade para juntos resolvermos a situação do Rio Aliança.

Não podemos ficar parados diante dessa triste realidade! 

O Movimento Consciência Jovem tem começado um projeto de Recuperação do Rio Aliança, com construção de Viveiro Comunitário e reflorestamento das margens do Rio em área urbana, assim como também desenvolvendo atividades de educação ambiental em toda a bacia do rio para conscientizar a comunidade ribeirinha, os donos de fazendas e produtores rurais.

Precisamos de mais soldados que queiram se alistar nessa batalha. 



Contamos com todos para realizarmos essa tarefa!
Quem tiver interesse procure-nos pelo telefone: (73) 98178 7338,
ou no Facebook, pela página Movimento Consciência Jovem neste endereço: https://www.facebook.com/MConscienciajovem/


 Texto: Isaac de Carvalho
 Fotos: Rybehme Novais
 Movimento Consciência Jovem - #MCJ

  • Comente aqui
  • Comente com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Avaliado: O Rio Aliança está morto! Classificação: 5 Revisados por: Colunista Isaac Carvalho