Barra

25/01/2019

ITABUNA: GUINHO DECLARA QUE NÃO É MAIS CONVIDADO PARA REUNIÕES DO PDT E CLIMA ESTÁ TENSO COM MANGABEIRA

Nesta quinta-feira o vereador de Itabuna, Guinho (PDT), foi entrevistado pelo blog. Ele comentou sobre o seu desempenho na eleição de 2018 e o possível rompimento com o pré- candidato a prefeito Mangabeira (PDT). Veja abaixo.
BLOG: Qual sua avaliação do seu desempenho na eleição de 2018. Sendo o terceiro mais votado em Itabuna para deputado estadual ?

Guinho: Um bom desempenho, apenas 2 anos de mandato como vereador, recebo como uma avaliação positiva o resultado da eleição.
Sai de 669 votos em Itabuna para 8444 votos.
Sabemos que são eleições diferentes, porém está no mandato e ter uma expressiva votação, é algo significativo, uma demonstração de que a população acompanha e aprova a minha atuação como vereador.

O apoio da Igreja Católica, através das pastorais, padres e incentivo do nosso bispo, foram importantes para o resultado.
BLOG: Durante a eleição houve o afastamento seu com Mangabeira . O que causou esse afastamento?

Guinho: Uma semana antes de iniciar a campanha, fui convidado pelo presidente estadual do PDT jovem para uma reunião, onde me foi apresentado a proposta de eu ser o candidato a deputado estadual da ala jovem no estado.
O único questionamento dos jovens, era o fato do PDT de Itabuna apoiar a Zé Ronaldo para governador. Sendo que o candidato apoiado pelo PDT jovem era Rui Costa, e eles me pediram que eu me mantivesse neutro.
Levei a situação para a reunião do partido, onde não foi aceito, segundo os dirigentes do partido, essa proposta era uma ofensa e provocação, já que o partido estava apoiando Zé Ronaldo.
Com isso, recebi a informação que todo o meu material de campanha casado com Mangabeira, havia sido cancelado. Essa informação eu recebi no dia 16 de agosto, no primeiro dia de campanha.
Acabei ficando sem material, e me afastei das caminhadas com o partido, fazendo a minha campanha sozinho, respeitando Mangabeira, não trazendo um outro candidato para Itabuna.
Apenas dobrando com Joceval do PPS, nas cidades vizinhas e dentro da renovação carismática em Itabuna, grupo em que nós dois fazemos parte e recebemos o apoio do movimento.
Houve o distanciamento a partir daí, após eleição, procurei os dirigentes do partido, para resolver essas indiferenças, porém, continuei sendo distanciado, sem ser convidado para as reuniões da executiva, onde só venho ter conhecimento das mesmas, quando é publicado no Facebook do partido.
BLOG: Como está o clima entre vocês ? Está tendo espaço dentro do partido?
Guinho: Estou distante das ações e decisões do partido, como disse anteriormente, só tenho conhecimento através das redes sociais, quando é publicado.
Antes, eu era convidado para as reuniões e ações, mas depois da eleição, eu estou sendo deixado de fora de tudo.
BLOG: Existe a possibilidade de sair do partido?
Guinho: Provavelmente sim, fica insustentável a permanência no partido, com a ausência de diálogo, e participação nas decisões das ações do partido. Afinal de conta, um vereador, não está em comunhão com seu partido, é o mesmo que um casamento forçado.
O que lamento muito!
BLOG: Em 2020 você pensa em ser candidato a reeleição ou pensa em ser candidato a prefeito?
Guinho: No momento penso em concluir o meu mandato, atendendo às perspectivas dos meus eleitores. Mas, diante da minha votação e atuação, venho sendo motivado pelas pessoas a me lançar ao executivo em 2020, sem nenhuma vaidade, tenho me colocado à disposição!
27 0 27

FONTE (Politicos dos Sul da Bahia)
  • Comente aqui
  • Comente com Facebook
Item Avaliado: ITABUNA: GUINHO DECLARA QUE NÃO É MAIS CONVIDADO PARA REUNIÕES DO PDT E CLIMA ESTÁ TENSO COM MANGABEIRA Classificação: 5 Revisados por: Locutor Rodrigo